Arqueólogos descobrem no Egito uma tumba colorida de 4300 anos de idade

Arte/Cultura

Um grupo de arqueólogos descobre perto do Cairo, a capital do Egito, um túmulo colorido de um nobre, que data de cerca de 4300 anos atrás.

O túmulo, encontrado perto da necrópole de Saqqara, ao sul do Cairo, é construído principalmente de tijolos de calcário branco e adornada com relevos coloridos e inscrições em bom estado, informou neste sábado vários meios de comunicação locais.

No sepulcro – cerca de dez metros de comprimento e três metros de largura e altura – você pode ver cenas coloridas que mostram o padre, sua mãe, sua esposa e seus filhos. Há também recitais de música, veleiros e cenas de caça.

“Esta é uma das mais belas descobertas que fizemos nos últimos tempos”, disse o ministro egípcio de antiguidades, Khalid al-Anani.

POR: REDAÇÃO