Padre espanhol de 73 anos é agredido a facadas quando chegava para abrir sua paróquia

Igreja na Espanha

O padre Javier Contreras, de 73 anos, estava chegando para abrir a paróquia de São Josemaría Escrivá de Balaguer, em Madri, na Espanha, para celebrar a primeira Missa do dia quando sofreu um repentino ataque.

Ele tinha acabado de sair do carro e se dirigia à igreja quando “foi atacado por uma pessoa com desequilíbrio mental que portava uma faca, com a qual lhe causou feridas no omoplata, bíceps e mão”, informou a Diocese de Getafe.

Em seguida, o sacerdote foi encaminhado para o Hospital de Alcorcón e precisou receber 12 pontos na mão direita. Felizmente, Pe. Javier não teve complicações e recebeu alta.

O suspeito foi preso pela Polícia, que continua investigando a causa do incidente e não descarta que tenha sido um “crime de ódio”.

A Diocese de Getafe disse também que o padre Javier, que pertence à prelazia do Opus Dei, atua há dois anos no local é muito querido no bairro onde se localiza a paróquia. E especialmente durante a quarentena, por causa da pandemia da Covid-19, promoveu várias campanhas para arrecadar alimentos para as famílias mais necessitadas.

POR: CHURCH POP