Retorna ao altar um cálice que o ISIS profanava para tiro ao alvo

Igreja

“É como celebrar a Missa com o Corpo de Cristo atravessado por uma bala”

Foi resgatado pela igreja siro-católica de Qaraqosh, na planície iraquiana de Nínive, um cálice consagrado que os terroristas do Estado Islâmico tinham profanado para usar, pasmem, como alvo em treinamentos de tiro (!)Novamente consagrado após sofrer essa indignante profanação, o cálice foi levado pela fundação pontifícia Ajuda à Igreja Que Sofre (ACN) para a Espanha, onde voltou a ser usado em celebrações eucarísticas especialmente oferecidas pelos cristãos perseguidos.

A fundação pontifícia pretende levar o cálice a igrejas do mundo todo para ser usado em Missas celebradas por essa mesma intenção, a fim de “tornar visível a todos a perseguição religiosa que muitos cristãos continuam sofrendo atualmente e que existe desde os primeiros tempos da Igreja“.

O cálice, que traz marcas de entrada e saída de balas, é descrito por Ana María Aldea, porta-voz da ACN, como “um tesouro litúrgico”. Ela acrescenta uma comparação impactante:

“É como celebrar a Missa com o Corpo de Cristo atravessado por uma bala”.

POR: ALETEIA