Sacerdote de 61 anos é agredido enquanto celebrava Missa dominical na Alemanha

Igreja

No dia 30 de agosto, um desconhecido fugiu de uma igreja em Berlim (Alemanha), após agredir um sacerdote em plena celebração da Santa Missa.

O incidente ocorreu na Igreja de São José, no distrito de Wedding, por volta das 10h30 (hora local), onde o agressor abordou o sacerdote de 61 anos que celebrava a Missa e o agrediu.

Segundo testemunhas, o homem estava “sentado em silêncio” quando se levantou e cuspiu no chão. Em seguida, aproximou-se ao altar com determinação, enquanto pronunciava orações antirreligiosas.

A polícia da cidade indicou que, depois de jogar o padre no chão, o agressor pegou a Bíblia e rasgou várias páginas. O irmão do presbítero também foi agredido quando tentava ajudar o consagrado.

“O agressor o derrubou com a Bíblia e fugiu da igreja sem ser reconhecido. O padre e seu irmão ficaram levemente feridos e foram atendidos pelos serviços de emergência que foram alertados sobre o que aconteceu no local”, acrescentou.

O departamento de crimes políticos da Polícia Estadual está investigando o ataque.

A Igreja de São José atualmente abriga as celebrações litúrgicas da Catedral de Santa Edwiges, a catedral da Arquidiocese de Berlim, que está fechada para reformas.

Publicado originalmente em CNA. Traduzido e adaptado por Nathália Queiroz.