Sacerdote italiano sequestrado por jihadistas é libertado no Níger

Igreja na África

Pe. Luigi Maccalli foi libertado no Mali, depois de ter sido sequestrado em 2018 no Níger.

Embora em um primeiro momento tenha sido informado que a religiosa Gloria Narváez também havia sido libertada, essa informação ainda não foi confirmada.

Pe. Pier Luigi Maccalli é um religioso italiano missionário da Sociedade das Missões Africanas que foi sequestrado na noite de 17 de setembro de 2018 por um grupo de jihadistas, em Bomonanga, Níger. Desde então, não se sabia nada sobre o seu paradeiro. Algumas informações asseguravam que o Pe. Maccalli se encontrava no Níger, embora também o tenham localizado em Burkina Faso ou no Mali.

A última notícia que havíamos tido do Pe. Maccalli foi um vídeo publicado em fevereiro de 2020 no qual foi visto vivo.

O sequestro da religiosa colombiana Gloria Cecilia Narváez ocorreu em 7 de fevereiro de 2017, enquanto realizava seu serviço pastoral perto do povoado de Koutiala, no leste de Bamako, capital do Mali, no oeste da África.

A religiosa trabalhava há seis anos como missionária na paróquia católica de Karangasso e vivia no país africano há 25 anos.

A célula do grupo terrorista Al Qaeda no Mali divulgou um vídeo em julho de 2017 com a prova de vida da freira, embora se soubesse que ela sofria de graves problemas em uma perna e nos rins.

Publicado originalmente em ACI Prensa. Traduzido e adaptado por Nathália Queiroz.

POR: ACI