Um asteroide passa entre a Terra e os satélites de comunicação e ninguém percebe

Atualidades

Um asteroide passou muito perto da Terra e foi detectado apenas na manhã deste 31 de outubro, menos de uma hora antes da bola de fogo ‘chegar’ em nosso planeta.

O objeto espacial, chamado C0PPEV1 , foi capturado inicialmente pelo US Catalina Sky Survey e depois por vários outros observatórios no país norte-americano. O asteroide se aproximava a apenas 6.200 quilômetros da superfície da Terra, passando sobre o sul da África a uma velocidade de aproximadamente  43.452 quilômetros por hora .

A título de comparação, os satélites de telecomunicações geoestacionários orbitam 35.786 km , enquanto a Estação Espacial Internacional fica a cerca de 400 quilômetros acima do nível do mar. Os pesquisadores estimam que o diâmetro do C0PPEV1 está entre 2 e 7 metros , por isso é muito pequeno para representar uma ameaça real, mesmo que tivesse atingido o nosso planeta.

No entanto, essa abordagem demonstra mais uma vez a vulnerabilidade a um possível impacto de asteroide ao qual estamos expostos, apesar dos esforços da NASA e de outras agências espaciais para detectar objetos no tempo que possam representar um perigo para a Terra.