Vândalos roubam a cabeça da múmia cruzada de 800 anos de Dublin

Arte/Cultura

A mídia local em Dublin, Irlanda, está relatando uma história chocante de uma igreja que remonta ao início da Idade Média, que sofreu um ataque de vândalos. Algumas múmias em sua cripta foram profanadas, incluindo o famoso cadáver de 800 anos conhecido como a múmia dos cruzados, que foi decapitado e a cabeça roubada. Compreensivelmente, a comunidade está profundamente perturbada.

O vandalismo e profanação ocorreu na Igreja de St. Michan, que data do século 11 dC e era originalmente uma capela viking . Ainda é um local de culto e também está aberto aos visitantes que são atraídos para a cripta que contém várias múmias. Segundo a BBC , a “descoberta foi feita quando um guia turístico estava se preparando para abrir a igreja para os visitantes”.

O arquidiácono da igreja expressou sua raiva e tristeza pelo arrombamento e profanação. Em particular, ele expressou indignação com a decapitação de um cadáver. Ele disse estar “chocado com o fato de alguém ter como alvo esse antigo local de sepultamento e profanar os restos daqueles que estão dentro dele”. Não apenas esses indivíduos profanaram a cripta sagrada, mas também destruíram essas múmias históricas que foram preservadas em St Michan por centenas de anos ”.

POR: REDAÇÃO